Seis dicas para gerar novas oportunidades de venda com Marketing Digital

Saiba como aproveitar o início da retomada do crescimento econômico no Brasil para investir em inovação e otimizar custos

Uma pesquisa divulgada pela FGV mostrou que o consumidor começou o ano mais esperançoso em relação ao seu poder de compra em 2017. A expectativa do brasileiro para a inflação dos próximos 12 meses passou de 9,1% em dezembro para 7,9% em janeiro.

Essa mudança de opinião foi influenciada, principalmente, pela desaceleração da inflação oficial, que fechou 2016 abaixo do limite de 6,5% definido pelo governo. Além disso, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) para itens como habitação, despesas pessoais e vestuário reduziu em capitais como Rio de Janeiro e São Paulo.

Este ainda será um ano de muitos desafios no campo econômico. Mas, uma notícia como essa deixa o consumidor um pouco mais seguro na hora de abrir a carteira. O fato é que mesmo com a crise o brasileiro nunca parou de consumir e sim se tornou mais inteligente na hora de comprar.

Os insights do Google mostram, por exemplo, que aumentou em 60% a busca por sites de comparação de preços e em 50% a procura online por produtos usados. Com a renda mais restrita, o consumidor começa a fazer substituições e modificar hábitos de compra. A questão agora é: a sua empresa entende este novo consumidor?

A internet tem sido protagonista nesse novo modelo de consumo e o Marketing Digital um aliado para as empresas identificarem como o consumidor lida com a restrição do seu poder aquisitivo e, como inovar na entrega de produtos e serviços.

Como identificar novas oportunidades de venda?

Já dizia o pai da administração moderna Peter Drucker: inovar é a forma de aproveitar a mudança para gerar novos negócios. Adotar uma atitude proativa frente ao mercado, em vez de se limitar ao problema, é fundamental para captar tendências e se antecipar às oportunidades.

Essa também é uma forma de saber com mais clareza como colocar sua marca onde ela precisa estar e no momento certo para fisgar o público. No Inbound Marketing uma série de estratégias que consistem em transformar leads em clientes ajudam a empresa a conduzir o consumidor pela jornada de compra e assim obter mais tração de vendas, e a vender mais de forma previsível e escalável.

O Marketing Digital em si é uma forma de inovar, por fugir das práticas tradicionais e permitir otimizar o custo das conversões. Em um cenário em que sai no lucro quem consegue fazer mais por menos, a dica é se manter à frente do seu tempo e buscar resultados reais. Algumas sugestões para começar 2017 aproveitando novas oportunidades em vendas são:

  • Organize a casa: esse é o primeiro passo para acompanhar a retomada do crescimento econômico do país. Dedique-se a planejar as metas do ano, rever orçamentos, revisar processos internos e também a estrutura da área de Marketing Digital da empresa;
  • Pesquise modelos de sucesso: tire um tempo para fazer benchmarking e estudar como o mercado em que você atua se adapta à crise. Será que você se apegou a ideia de crise, enquanto outras empresas do seu segmento estão avançando? É interessante conferir também cases de empresas que se destacam na adoção de estratégias digitais;
  • Saiba onde identificar oportunidades: um dos principais benefícios das mídias digitais é a possibilidade de medir, de forma assertiva e mais imediata, o resultado das ações realizadas, de acordo com público, canal, conteúdo, dias e horários, entre outras métricas. Aproveite esses indicadores para provocar reflexões dentro da empresa e guiar brainstorms com a equipe que possam ajudar a sair do lugar comum;
  • Invista no que a sua empresa faz de melhor: ter conhecimento profundo do negócio é um diferencial importante na hora de planejar os investimentos. A contenção de despesas não pode frear a inovação e uma forma de também fazer mais com menos é focar nos produtos/serviços com maior potencial e aperfeiçoar a sua oferta em novas plataformas, como em mobile, por exemplo. Será a hora de você investir em novos canais? Comece a se perguntar.
  • Revise a estratégia periodicamente: lembre-se que apesar da expectativa quanto à retomada econômica seja de crescimento, ele ainda vai ser sentido aos poucos e, portanto, é importante analisar a relação custo-benefício na organização. Por isso, avalie frequentemente se a estratégia de Marketing Digital está gerando conversão e reavalie novas soluções para ações com baixo desempenho;
  • Foque em resultado: se o objetivo é vender e obter crescimento constante, é preciso que a inovação aconteça de forma sustentável para a empresa. A estratégia de Marketing precisa demonstrar que o retorno sobre o investimento (ROI) é positivo e possível de ser alcançado também em curto prazo.

Atentas às oportunidades, algumas empresas do varejo eletrônico, por exemplo, começaram o ano com um pouco mais de fôlego, apesar da retração geral no consumo. Foi o caso do e-commerce da 2RD Semijoias, que alcançou um crescimento contínuo nos três últimos meses do ano, investindo em vendas por oportunidade (Black Friday, Natal e Bazar).

No período de novembro e dezembro a empresa obteve faturamento recorde, 309% maior em função das campanhas sazonais. Com um custo por clique 42% menor, alcançamos com a estratégia digital 99% mais visitas para o site da 2RD e geramos mais vendas com ticket médio maior do que o previsto, o que ultrapassou a meta em 248%.

Esses números mostram a importância do amadurecimento da estratégia e da otimização dos investimentos da marca ao aproveitar as oportunidades em Marketing Digital e do gerenciamento de mídias digitais com foco em resultados.

Que tal realizar um Raio-X de Marketing Digital para otimizar suas conversões e iniciar 2017 com mais tração em vendas? Vamos conversar!

A #SocialBrain é a 1ª agência parceira da Resultados Digitais no Rio de Janeiro que possui as quatro certificações em Inbound Marketing (Metodologia, RD Station, Agência Inbound e Sucesso do Cliente). E agora somos agência Silver!

Recommended Posts

Leave a Comment