Um panorama do RD Summit 2018

O maior evento de Marketing Digital da América Latina passou, e já deixou saudades por aqui. Por isso, viemos relembrar os melhores momentos e compartilhar com vocês.

 

O RD Summit 2018 superou as expectativas dos participantes.

Foram mais de 12 mil visitantes no maior evento de Marketing Digital do país, em Florianópolis, que encabeça o título de atual, Vale do Silício do Brasil.

A #SocialBrain esteve lá para um treinamento voltado especificamente para agências parceiras da Resultados Digitais, o RD Partner Day, E voltamos com muita conhecimento na bagagem. Vamos neste post, compartilhar alguns destaques com vocês.

No pré-evento para agências, soubemos em primeira mão, a grande novidade referente ao software RD Station Marketing, que agora tem uma nova funcionalidade há muito pedida pelo mercado: o CRM. A partir da pesquisa da sua base de clientes, a Resultados Digitais percebeu que 70% de sua base de clientes não conta com uma ferramenta de vendas, e ainda faz o controle do processo comercial manualmente. Já imaginou?

Já durante o evento, a estrutura impressionou, com a Plenária, onde as main sessions aconteciam, as tendas 1, 2 e 3, com as trilhas paralelas além das salas voltadas para treinamento das mais avançadas técnicas de Marketing Digital. esse ano, a Feira de Negócios contou com as salas para reuniões entre agências e clientes, o estúdio da Resultados Diigtais, que transmitia o evento em tempo real, além de um excepcional espaço para ferramentas e novas startups, com soluções que apoiam as agências e os clientes.

 

Isso somente para falar de estrutura. Mas, e os insights? Vamos a eles:

 

  1. Inbound Marketing e Inbound Sales cada vez mais conectados

Sabemos que estruturar uma máquina de crescimento e implementar o Inbound Marketing é uma tarefa de longo prazo. E dentro desse processo, criar uma máquina escalável e previsível de vendas, é fundamental. É nesse momento que o funil de Inbound Marketing, se cruza com o funil de Vendas (Inside Sales). E, por esse motivo, um software em que a visão dos objetivos de Marketing e também de Vendas, se cruzem, torna toda a experiência de análise de dados muito mais inteligente. Na Resultados Digitais, e também na #SocialBrain, o mindset é data-driven, com foco na performance do cliente.

 

  1. Inovação e as tecnologias do futuro

Prepare-se, o mundo como você conhece hoje está mudando (e rápido). Portanto, como colocou Martha Gabriel – Tudo o que pode ser digitalizado e automatizado no futuro será. Isso mesmo. Por isso, em muitas palestras foi mencionada a necessidade da reinvenção dos profissionais. Quando consideramos que muitas funções que ocupamos hoje não existiam, com o avanço das novas tecnologias, e também da automatização, e sobretudo, da inteligência artificial, as profissões em um mundo 100% conectado vão mudar cada vez mais.

E aqui vale, a recomendação da própria Resultados Digitais:

“Atualizar-se é antecipar-se. É prever tendências e se prevenir de urgências. É uma exigência, no cenário em que mercados, relações, recursos e processos se transformam o tempo todo.”

 

  1. “Robôs humanóides só ameaçam humanos robotizados”.

Nas palestras e treinamentos de Vendas d RD Summit 2018, muito se falou em dar um aspecto humano aos processos.

Vale a questão: como você vai tratar o lead depois que ele já estiver no seu funil de vendas. Ele não será somente um número, e a comunicação neste momento faz toda a diferença. Os canais digitais podem evoluir muito em tipos e formatos: com o avanço dos chatbots, dos fluxos de e-mail automatizados, por exemplo, mas é necessário que a interação com oo cliente, seja verdadeira, e tenha como premissa o aspecto humano, considerando que “Vender não é ciência”  é Ciência versus Sapiência.

Logo, ter um olhar sobre o funil de vendas, é engajar ambas as partes da cadeia (cliente e agência) para desenvolver um um olhar profundo sobre o negócio, com o apoio de ferramentas, sim, mas também com sensibilidade, colocando inteligência na estratégia.

 

  1. Hoje, o Inbound Marketing é um canal de aquisição de clientes que já é realidade para muitas empresas brasileiras.

O Inbound Marketing, ou Marketing de Atração, ainda tem muito a evoluir no Brasil, Mas, hoje, empresas que implementam ações como essa, chegam a ter resultados de crescimento que chegam na ordem de 30%. Para alguns segmentos, $1 investido a cada e-mail gera um ROI de $38 (fonte: DMA Report).

Por isso, a linha de Conteúdo e automação de Marketing, deve ser pensada de forma a apresentar conteúdo relevante para o lead, de forma a gerar interesse, e ainda renovada a ponto de manter o engajamento com a base de clientes em dia (com trilhas de e-mail que entreguem uma comunicação segmentada).

 

  1. Mídia com foco na jornada de compra da persona

Uma das dicas super valiosas do mestre Fábio Ricotta, da Agência Mestre, foi de escolher os canais de Mídia Paga mais apropriados para cada etapa da jornada de compra. Na experiência da Mestre em projetos de sucesso, anúncios no Facebook se mostraram mais eficientes para gerar conversões de topo de funil, ou seja, de leads que ainda estão no começo da jornada de compra, enquanto campanhas Google Ads foram mais assertivas para captar lead próximos da fase de decisão.

Leandro Martinez, especialista em Google Ads, e Fábio Prado, expert em Facebook Ads, também engrossaram o coro da segmentação de campanhas por etapa do funil de marketing. Martinez deu ainda dicas avançadas para campanhas de Remarketing.  Ele lembrou a importância de limitar a frequência de exibição por usuário, para não causar o usuário o incômodo do “anúncio que persegue”. Outra ótima recomendação é combinar listas de remarketing do Google Ads com o Google Analytics, não se limitando apenas às pessoas que visitaram o seu site, mas também interagir de forma específica com aquelas que realizaram alguma ação: acessaram uma página importante, abandonaram o carrinho, fizeram uma compra. Pensando em personalização e hiper segmentação, há um mundo a ser explorado nas campanhas de mídia!

Esses foram alguns dos hacks que trouxemos do RD Summit 2018, que todo o ano, nos surpreende pela qualidade técnica do evento e dos palestrantes de peso. Mas tem muitos outros que podemos conversar com você no detalhe.

 

  1. O papel da escuta para fidelização de clientes

Mesmo com a evolução da tecnologia, o surgimento de inúmeros comunicadores, chatbot, trocas de e-mails, etc, nada substitui o papel da escuta para a fidelização de clientes (através de contatos diretos e pesquisas de satisfação), que pode auxiliar na retenção e sucesso dos clientes atendidos, assim como tem impacto direto na construção de times de sucesso, diversos, multifuncionais, e prontos para aportar um olhar diferente sobre o negócio seja das agências, seja dos clientes.

 

Ufa! Parece que foi muita coisa né? E foi mesmo! Para trocar mais ideias sobre estratégias de marketing digital específicas para o seu negócio, não hesite, é só falar com a gente!

E para sentir o clima clima do evento, basta clicar aqui  RD Summit – Day 1:.

Te esperamos no próximo!

Recent Posts